Para que temas ao SENHOR, teu Deus

Deuteronômio 6:4-10
4 Ouve, Israel, o SENHOR, nosso Deus, é o único SENHOR.

5 Amarás, pois, o SENHOR, teu Deus, de todo o teu coração, de toda a tua alma e de toda a tua força.
6 Estas palavras que, hoje, te ordeno estarão no teu coração;
7 tu as inculcarás a teus filhos, e delas falarás assentado em tua casa, e andando pelo caminho, e ao deitar-te, e ao levantar-te.
8 Também as atarás como sinal na tua mão, e te serão por frontal entre os olhos.
9 E as escreverás nos umbrais de tua casa e nas tuas portas.
10 Havendo-te, pois, o SENHOR, teu Deus, introduzido na terra que, sob juramento, prometeu a teus pais, Abraão, Isaque e Jacó, te daria, grandes e boas cidades, que tu não edificaste;

Você já percebeu a importância que uma criança tem? Onde tem uma criança tem vida; são sempre incansáveis, correm, pulam, gritam, dançam estão sempre dispostas e tem uma capacidade de absolvição incrível! O que ouvem aprendem e logo reproduzem, por isso, a palavra nos orienta a ensinar a criança no caminho em que deve andar (Pv. 22:6).

Esse ensinar não é apenas mostrar “o” caminho em que devem andar, mas, andar com eles “no” caminho; mostrar com a minha vida, com meu exemplo, andando junto. Como pais temos a responsabilidade de mostrar o caminho para os nossos filhos, sendo exemplo de vida, ensinando-os a ter responsabilidade cristã, frequentando cultos, ensinando a importância de ir á igreja; frequentar a Escola Bíblica, ter e ler a palavra.

Todo ensinamento hoje nos evitará choro amanhã, de acordo com Içami Tiba: “Pais que levam os filhos para a igreja, não precisaram buscá-los na prisão“.

O senhor adverte ao povo de Israel quanto a importância de ensinar aos filhos, falar sobre a palavra, por como sinal na mão, escrever nos umbrais das portas. O texto diz ensinar enquanto caminha, ao deitar ao levantar e em todo tempo. Precisamos cuidar das nossas crianças hoje para que amanhã se tornem homens e mulheres de Deus.

Seu filho pode até ouvir o que você diz, mas com certeza fará o que você faz.
Seja um exemplo!

Pr. Isac Lauers

Deixe um comentário